Expositores
  Você está em: Home Page

Home
Entrevista
Fotos edição 2006
Nos. edição 2006
Porque participar
Notinha Legal
Modelo de estande
Layout de planta
Como participar
Ficha de inscrição
Circulares
Contato
  Visitantes

Local
Data e horário
Atividades culturais
Conheça o Ceará

 
 


8ª Bienal Internacional do Livro do Ceará
A aventura cultural da mestiçagem

O Centro de Convenções de Fortaleza (Ceará) receberá, de 12 a 21 de novembro de 2008, programação da 8ª Bienal Internacional do Livro do Ceará, que contará ainda com destacado espaço físico da Universidade de Fortaleza (UNIFOR), ampliando, assim, a agenda desse já tradicional evento cearense.

O tema da 8ª Bienal Internacional do Livro do Ceará é A aventura cultural da mestiçagem, o qual abrange duas comunidades lingüísticas: a portuguesa e a espanhola e, ainda, suas manifestações artísticas e culturais, totalizando 30 países situados em quatro continentes: África, América, Ásia e Europa. A ousadia de tal abrangência desloca o foco habitual das programações literárias de outros eventos similares, concentrando-se aqui em evocar a multiplicidade de culturas e a condição mestiça de suas raízes.

Motivada pelo tema central, a programação da 8ª Bienal Internacional do Livro do Ceará estará comprometida com a integração das culturas envolvidas, reconhecendo seus hábitos, costumes e literatura, e com a democratização e a mobilização do acesso universal ao livro, à leitura e à produção literária. Serão realizadas atividades baseadas na promoção e geração de conhecimentosdestinados ao público.

As sessões literárias incluem palestras, debates, leituras de poemas, encontros especiais, lançamentos de livros. Esta agenda foi configurada, por sua vez, a partir do tema central. Os debates contemplarão assuntos como produção e circulação de revistas e suplementos literários, casas de cultura, política cultural dos centros de estudos brasileiros na América Hispânica, movimentos contraculturais, circuito editorial universitário, encontros internacionais de escritores, dentre outros. Já as palestras tratarão de aspectos ligados aos fundamentos da mestiçagem, jornalismo cultural e obras literárias, considerando particularidades regionais e continentais dos países envolvidos.

Haverá ainda uma integração entre segmentos da criação artística, produção cultural e mídia, envolvendo uma série de salas permanentes que, no decorrer dos 10 dias de realização da 8ª Bienal Internacional do Livro do Ceará, por meio das quais será permitido um convívio entre público, escritores, artistas e produtores culturais. Ao todo haverá um conjunto de 9 salas, assim distribuídas: Arena Jovem, Arte Postal & Poesia Visual, Artes e Ofícios, Cordel, Gravuras, Música, Rádio, Revistas e Vídeos.

Cada uma das salas terá uma curadoria própria. São os seguintes nomes: Claudio Willer/SP (Revistas), Juliana Marinho/CE (Artes e Ofícios), Heriberto Porto e Lu Basile/CE (Música), José Geraldo Neres/SP (Vídeos), Klévisson Viana/CE (Cordel), Maria Luisa Passarge/México (Gravuras), Maurício Aragão/CE (Arena Jovem), Nonato Lima/CE (Rádio) e Paulo Bruscky/PE (Arte Postal & Poesia Visual).

A programação das Salas Permanentes, bem como de todas as sessões literárias será posteriormente disponibilizada no site da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará e da RPS Eventos. A área de expositores da 8ª Bienal Internacional do Livro do Ceará, considerando a abrangência de seu tema central, contará com um número de expositores também dos países envolvidos, influenciando assim integração entre as literaturas de línguas portuguesa e espanhola.

Um diferencial nesse caso é a criação de um espaço intitulado Ilha dos Continentes, cuja área de 234m² destina-se a receber editoras estrangeiras que, em geral, não dispõem de condições de participar de eventos internacionais. Em âmbito nacional, haverá, ainda, a presença de instituições como o Museu da Língua Portuguesa, o Instituto Moreira Sales e a Biblioteca Nacional.

Embora a 8ª Bienal Internacional do Livro do Ceará não recorra à figura tradicional do país convidado, haverá um Pavilhão Especial dedicado à Cuba e à Venezuela, em reconhecimento à criação, respectivamente, da Fundación Casa de las Américas e da Fundación Editorial El Perro y La Rana, projetos editoriais de importância fundamental para a produção, reflexão e difusão da cultura na América Latina. Cumpre também destacar a criação, há 40 anos, da Monte Ávila Editores. Como homenageado especial será recebido o notável criador de tipos, o humorista e narrador Chico Anysio.

Chico Anysio (Ceará, 1931) é humorista, compositor, dramaturgo, artista plástico, ator, radialista, dentre outras atividades artísticas que sempre desempenhou com inconfundível talento. Criador de uma extensa galeria de tipos (Professor Raimundo, Coalhada, Azambuja, Bento Carneiro, Gastão, Quem-Quem, Meinha, Zé Tamborim, Justo Veríssimo, Tavares, Pantaleão, Painho etc.), Chico Anysio atua há quatro décadas em teatro e televisão, representando hoje um marco exemplar em nossa tradição humorística. Por ser considerado, também, um notável escritor, a 8ª Bienal Internacional do Livro do Ceará será palco de lançamento de um novo título seu: 3 casos de polícia.

A 8ª Bienal Internacional do Livro do Ceará é uma iniciativa do Governo do Estado do Ceará, por intermédio da Secretaria da Cultura, Sindlivros e parceria com a RPS Eventos. A ação conta ainda com a cooperação de entidades como Câmara Brasileira do Livro, Associação Nacional de Livrarias, Academia Cearense de Letras, Câmara Cearense do Livro, Escola de Música da Universidade do Estado do Ceará, SENAC/CE, SESC/CE, Universidade de Fortaleza (UNIFOR), dentre outras.

VIII BIENAL INTERNACIONAL DO LIVRO DO CEARÁ 

Curadoria Geral
Floriano Martins 

Curadoria e Coordenação Executiva
Jorge Pieiro
Karine Alves David

Curadoria das Salas Permanentes
Claudio Willer (Revistas)
Heriberto Porto | Lu Basile (Música)
José Geraldo Neres (Vídeos)
Juliana Marinho (Artes e Ofícios)
Klévisson Viana (Cordel)
María Luisa Passarge (Gravuras)
Maurício Aragão (Arena Jovem)
Nonato Lima (Rádio)
Paulo Bruscky (Arte Postal e Poesia Visual)

Coordenação de Mercado Editorial e Expositores
Mileide Flores

Coordenação de Produção
Osiel Gomes Dias Júnior

Coordenação do Café Literário
SESC | SENAC

Coordenação das atrações cênicas e musicais
SESC | Lu Basile | Klévisson Viana

Organização da Feira
RPS Eventos

Produtora
W10 Produções

TOPO

RPS Assessoria e Promoção de Eventos
Rua 24 de maio, 77 • 5° andar • sala 504
CEP: 01041-001• São Paulo • SP

Fone/Fax: (11) 3333.7878
contato@rpsfeiras.com.br